Onde a poesia e a liberdade se abraçam.

.posts recentes

. Chicoespertismo

. Onde está o Pinóquio?

. Faixa de Gaza

. Viva 2009!

. A crise dos bancos

. Afinal quem está a mentir...

. Alcântara e os contentore...

. O BPN e os impolutos

. Manifestação dos professo...

. Ainda o BPN

.arquivos

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

Em destaque no SAPO Blogs
pub
Terça-feira, 11 de Dezembro de 2007

Mais presépio

No presépio colocados

não há ricos ou banqueiros,

políticos, deputados,

doutores ou engenheiros,

nem polícias nem soldados.

 

 

Toscas figuras de barro

por caminhos de areia

dirigem-se para a gruta

em noite de Lua Cheia.

 

Vêem-se muitos pastores,

um latoeiro também,

todos seguindo o caminho

que os leva a Belém.

 

O burrinho carregado

com taleigas de farinha,

uma velhinha à janela

conversa com a vizinha.

 

Nos presépios mais modernos

também já se podem ver

os mais diversos engenhos

todos eles a mexer:

 

roda sem parar a nora,

desce e sobe o picanço,

gira a roda do moinho

dia e noite sem descanso,

 

abre e fecha o harmónio,

sem cessar sega a ceifeira,

cava, cava o campónio,

amassa o pão a padeira.

publicado por Viriato às 21:50
link do post | favorito
Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Março 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.tags

. todas as tags

.favorito

. E assim nasce mais um...

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds